Congonhas - MG - A cidade dos profestas, do Ouro e da Fé

Com pouco mais de 50 mil habitantes, Congonhas cujo nome é de origem tupi (Congõi, que em tupi significa "o que sustenta, o que alimenta.") é talvez a cidade brasileira com o maior numero e com as obras mais famosas do escultor Antônio Francisco Lisboa conhecido como Aleijadinho.  
As primeiras informações sobre a origem do povoado de Congonhas datam de 1734 relatando que alguns portugueses que habitavam no Arraial dos Carijós (atual Conselheiro Lafaiete, a 17 quilômetros de Congonhas) seguiram as margens do rio Maranhão para estabelecer novas lavras auríferas. A partir desses aventureiros novos povoados foram se estabelecendo dentre eles a cidade de Congonhas. Com o passar dos anos Congonhas prosperou e se tornou uma das principais lavras de mineração da região, na chamada lavra do batateiro eram encontradas pepitas de ouro chegavam a ter o tamanho de batatas. Foi no auge da extração de ouro que o garimpeiro Feliciano Mendes ficou muito doente e prometeu que caso fosse curado iniciaria a construção de um Santuário.  O Santuário do Bom Jesus do Matosinhos que falaremos depois.
Congonhas - MG
Santuário do Senho Bom Jesus de Matosinhos -Principal atração de Congonhas.
Com o fim do ciclo do ouro a cidade ficou conhecida por abrigar a fabrica Patriótica, a primeira fundição do Brasil que funcionou ate 1822. Atualmente a tranquila cidade mineira é considerada patrimônio pelas inúmeras obras barrocas e local de peregrinação de fieis que visitam o Santuário do Bom Jesus do Matosinhos. 

Como chegar:

Visitei a cidade quanto estive visitando o Ouro Preto (Veja nossa postagem sobre Ouro Preto clicando aqui) como estava com meu carro, essa foi minha opção de transporte. Segue abaixo o caminho que fiz e outras opções para chegar em Congonhas.

Carro - Saindo de Ouro Preto (60 km) é possível chegar a Congonhas seguindo a antiga estrada real MG-129 passando por Ouro branco e pegando a estrada MG-30. Apesar dos 60 km ade distancia, estrada é bem sinuosa e o trajeto pode demorar mais que 1 hora. Saindo de BH (80 km)o viajante pode seguir pela BR-356 e depois pegar a MG-40 não fiz esse caminho, mas parece ser mais rápido que pela MG-129.

Ônibus - A empresa Viação Sandra é responsável por ligar a cidade de Congonhas com Belo Horizonte (Custo do trecho é aproximadamente R$ 24,00) e São João Del Rey ( Custo de R$ 28,00). Para mais informações sobre outros destinos e preços acesse o site da empresa clicando aqui
Congonhas - MG
Marco indicando por onde passava a antiga estrada real.

O que visitar:

Santuário do Bom Jesus de Matosinhos - A história desta jóia do barroco mineiro remete ao ano de 1757 quando um garimpeiro chamado Feliciano Mendes se curou de uma doença contraída num garimpo próximo ao atual Santuário. Quando estava doente, Feliciano havia prometido que se fosse curado construiria um Santuário em agradecimento ao Bom Jesus de Matosinhos. Por não possuir bens, Feliciano passou o resto de sua vida pedindo esmolas para a construção do Santuário e morreu (1765) antes da conclusão da igreja. Após a morte de Feliciano, os responsáveis pela construção receberam grandes somas de dinheiro de famílias ricas da região para concluir o Santuário. Com dinheiro em abundancia, artistas de todas as partes de Minas Gerais foram contratados para acabar a igreja dentre os quais podemos destacar o mestre Ataíde e Aleijadinho que chegou à Congonhas por volta de 1795.
Congonhas - MG
Santuário do Bom Jesus de Matosinhos - Uma das mais belas obras do Barroco brasileiro.
Congonhas - MG
Fachada do Santuário do Bom Jesus de Matosinhos.
Durante dez anos Aleijadinho e seus discípulos (nesta época Aleijadinho já possuía alguns aprendizes) deixaram para Congonhas um conjunto de 66 estatuas que muitos consideram sua obra-prima. Dentre as 66 estatuas, as esculturas mais famosas são as que decoram o adro da basílica conhecidas como os 12 profetas. Esculpidas em pedra-sabão e tamanho natural as esculturas representam os quatro principais profetas da bíblia (Isaias, Daniel, Jeremias e  Baruc) e outros 8 profetas escolhidos por financiadores da obra. Se você quiser conhecer cada profeta representado aqui no Santuário clique aqui. O Santuário do Bom Jesus do Matosinhos é considerada patrimônio mundial pela Unesco desde 1985.
Congonhas - MG
Profeta Daniel - A estatua mais perfeita do Santuário.
Congonhas - MG
Profeta Joel - O profeta do avivamento
Via Sacra- Inspirado no Santuário de Bom Jesus de Braga em Portugal, a via sacra é composta por 6 capelas decoradas com estatuas que contam os últimos momentos da vida de Cristo. Todo o conjunto de estatuas foi esculpidas por Aleijadinho em cedro e pintas pelos Mestres Ataide e Francisco Xavier Carneiro.
Congonhas - MG
Capelas da Via Crucis do Santuario do Bom Jesus de Matosinhos.
A via sacra foi construída em uma colina cujo cume abriga a escadaria com os profetas e a igreja do Bom Jesus de Matosinhos. No sopé da colina temos a primeira capela com a representação da ultima ceia. Nas 5 capelas subsequentes temos Jesus no jardins das oliveiras, a prisão de Cristo, a flagelação e coroação de espinhos, a subida ao calvário e por fim a crucificação de cristo. 
Congonhas - MG
A Santa Ceia representada em uma das capelas da Via Crucis.
Congonhas - MG
Crucificação de do Bom Jesus por Aleijadinho.
Museu da Romaria - Após a construção do Santuário do Bom Jesus de Matosinhos e o aparecimento do médium Zé Arigó que incorporava o espírito do médico alemão Fritz, a cidade de Congonhas passou a receber uma enorme quantidade de peregrinos. Devido a falta de hospedagem para os peregrinos, foi construída na década de 30 um prédio em forma circular que serviria de pousada chamara de Romaria. Demolida em 1968, a Romaria foi reconstruída em 1995 e hoje abriga a Fundação Municipal de Cultura, Lazer e Turismo (Fumcult), além de um centro histórico e cultural.
Museu da Romaria- Congonhas -créditos da imagem.
Parque da Cachoeira - localizado próximo ao centro da cidade (5,3 km), o parque da cachoeira possui várias piscinas de água natural, quadras, área de camping, churrasqueiras e restaurantes. O parque por onde passa o rio Santo Antônio possui várias cachoeiras, sendo que a principal tem aproximadamente 20 metros. Para visitar o parque é cobrada uma taxa de R$ 5,00 por dia onde já está incluso o estacionamento no local. Como se pode imaginar durante o fim de semana o parque fica lotado....
Congonhas - MG
Parque da Cachoeira - Boa opção de descanso após uma visita a cidade de Congonhas - Crédito da imagem.
Ruínas da Fábrica Patriótica - Fundada por volta de 1812 a Fábrica de Ferro Patriótica foi construída em Congonhas num terreno de propriedade do Barão de Paraopeba pelo engenheiro e naturalista Barão de Eschwege um dos pioneiros da indústria nacional. Considerada a primeira siderúrgica do Brasil aqui foram instalados aqui quatro fornos, duas forjas de ferro, um malho, bem como um engenho de socar que foram projetados pelo Barão e instalados num único edifício. Em 1822 após a partida de von Eschewege para a Europa os acionista da siderúrgica começaram a ter muitas divergências e a fabrica foi fechada.
Ruínas da Fábrica Patriótica - Primeira fundição de ferro do Brasil.

O que comer:

Baseada em produtos simples, a cozinha mineira lembra a comida da vovó onde até a comida mais simples tem um paladar único. Alem da riqueza de sabores e odores, alguns pratos da cozinha mineira contam um pouco da historia do Brasil.
A simplicidade dos pratos é "culpa" da corrida pelo ouro. Durante o ciclo do ouro ninguém queria vir para minas trabalhar no plantio e abrir mão do garimpo logo, a oferta de alimentos na região era limitada e as refeições eram realizadas com produtos de fácil plantio como quiabo, feijão e mandioca ou frango que podia ser criado no quintal. Quer saber mais sobre a história da culinária mineira clique aqui e acesse um site bem legal sobre o assunto.

Feijão Tropeiro- Esse prato é uma mistura de feijão com farinha de mandioca, torresmo, linguiça e ovos ganhou esse nome por se a comida que os tropeiros (Tropas organizadas para transportar o ouro encontrado no interior de minas até o porto de Paraty) carregavam em suas viagens.  
Congonhas - MG
Feijão Tropeiro servido em panelas de pedra
Tutu de Feijão - Dizem que esse prato a base de feijão foi criado nas senzalas de Ouro Preto. A palavra TUTU vem do quimbundo (língua africana falada na Angola) quitutu que significa “papão”que significa algo fora do comum ou sobrenatural (Daí a historia do bicho Papão). Como a mistura do caldo de feijão, o feijão e a farinha de mandioca tinha tinha um sabor muito apreciado pelos escravos o prato passou a ser chamado de tutu (tão bom que parecia ser sobrenatural). Em restaurantes mais sofisticados o prato para duas pessoas pode até custar R$ 45,00.

Frango com quiabo -  A origem do prato é um pouco divergente, há site falando que a origem do prato é africado (O quiabo foi trazido da africa) em outro falam que o prato é indígena. A grande verdade é apesar do quiabo ser um pouco discriminado o prato é delicioso.

Angu - Outro prato de origem a africana deve seu nome derivado da palavra africana Angun que se refere a uma papa de inhame sem tempero. No Brasil colonial a papa passou a ser feita com fubá e receber miúdos de porco e vaca.

Queijos e doce de leite - Durante o período que passei em Minas, todos os dias eu comia queijo e doce de leite de sobremesa. Minas Gerais é muito famoso pelos seus queijos e o doce de leite aqui maravilhoso. Não deixem de provar os dois....

Cachaças e bebidas - Minas Gerais também é muito conhecida por sua cachaça. A variedade da bebida é tão grande que dificulta nossa escolha. Uma excelente pedida é a cachaça João Mendes (valeu a dica Rafael Ueda) que custa em torno de R$ 35,00 a garrafa. Outra dica de bebida nas cidades históricas de Minas Gerais são as cervejas artesanais da região. A Ouropretana e a Backer são ótimas opções para os amantes da bebida.
Congonhas - MG
Cerveja tipica de Ouro Preto.
Congonhas - MG
Algumas cachaças mineiras.

Usuários de Yahoo e netvibe, assine nosso FEED na barra lateral e fique sabendo de todas nossas atualizações. Semanalmente temos novidades!!!!!

Duvidas são bem vindas, postando uma duvida em nosso blog você esta ajudando outros viajantes como você....

Curtiu nossa postagem ou as fotos? Curta nossa pagina no facebook abaixo:

CONFIRA TAMBEM....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Passeie pelo mapa e confira todas nossas postagens clicando nos marcadores...